Thursday, December 10, 2009

Felicidade (não toda, mas alguma)

   Uma obra de arte. Um caso desconhecido.
   Pequenos segundos que tiram o ostracismo.
   Um olhar eterno. O tempo para.
   O arrepio provocado pela lembrança.
   A observação das criações humanas,
   ilustradas de bens materiais.
   A arquitetura do monumento.
   O desenho que musica o momento;
   A música que desenha o intento.
   O respeito contido no silêncio,
   a felicidade do consenso.
   O dia compartilhado,
   o discurso concordado.
   Beijos, abraços, o toque em si.
   O orgasmo ao mesmo tempo.
   A descoberta que o amor ainda existe.
   O gol do goleiro, a defesa do artilheiro.
   O gancho do armador, o toco do pivô.
   A premiação.
   A sutileza da história, as entrelinhas lidas.
   O cansaço da corrida.
   A vitória da vítima, a volta por cima.
   O sono. O sonho. O samba.
   A ajuda do amigo na hora certa.
   O certo escrito por linhas tortas.
   A comida bem feita.
   O presente para quem se gosta.
   As palavras que a primeira letra de cada frase forma.
   Decifrar um enigma.
   O conhecimento.
   Felicidade.

4 comments:

Afrodite said...

Uma descrição?

F/X said...

uma apologia

Afrodite said...

Diria ate que falta muito pra ser minha descrição perfeita pra tal, mas de fato, é uma descrição perfeita!
Parabens!
P.s: pra ser hexa, primeiro precisa ser penta!

André Luiz said...

Bonito.